Dispositivos de segurança nos termoacumuladores

A válvula de segurança para termo-acumuladores é o componente mais importante da instalação, seja qual for a fonte de produção de agua quente: lareiras, electricidade, caldeiras ou solar, este componente é indispensável sobre todo tipo de armazenamento de agua quente.

A sua ausência transforma automaticamente o seu armazenamento de agua quente em autentica bomba que vai explodir sob o efeito da pressão devidamente causada pala dilatação da agua quando aquecida.

O rolo deste componente consiste a eliminar este acréscimo de agua, ele se abre a partir de uma pressão de 7 kilos e deixa a agua sair para os esgotos, por este motivo a pressão de serviço da sua instalação deve ser inferior a 7 kilos senão terá sempre um fio de agua a correr em permanência. Com a experiencia descobri que quando estes grupos são instalados com pressão superior a 3.5 Kilos passam a correr em permanência ao fim de alguns meses.

Logo que a pressão de serviço seja superior a 3.5 Kilos, a instalação do redutor de pressão é indispensável.

Para compreendermos perfeitamente o rolo do grupo de segurança vamos ter em conta uma regra de base muito fácil: A agua aumenta de volume sob o efeito do calor.

Dilatação da agua

Aumento de temperaturaAumento  de volume
10 a 40°C0,75%
10 a 50°C1,18%
10 a 60°C1,68%
10 a 70°C2,25%
10 a 80°C2,89%
10 a 90°C3,58%
10 a 100°C4,34%
10 a 110°C5,16%
Dilatação da agua

A temperatura normal dos cilindros situa-se a volta dos 60°C para lutar contra  a legionella 70°C é a temperatura maxima que a agua quente devera atingir para lutar contra desgoverno de energia…

Pegamos aqui um exemplo de um acumulador de 200 litros alimentado com agua a 10°C e aquecido a 70°C, o aumento de volume seria de 2.25% .

O coeficiente de aumento de volume da agua entre +10°C e + 70°C é de : 2.25% .

200 x 2.25% = 4,5 Litros de aumento de volume, mas geralmente nós aconselhamos de ter em conta um aumento de volume de 3%, o que neste caso acrescenta um volume de 6 litros em vez de 4,5.

Quando falamos de volume de vaso, fazemos referencia a volume útil e não volume bruto.

Qual válvula de segurança utilizar no termo acumulador

valvula_de_seguranca_termoacumulador

Boa pergunta!

Certos instaladores utilizam uma válvulas de tipo válvulas de aquecimento para proteger as reservas de agua quente acumulada (termo-acumuladores), mas que diz a lei a esse respeito?

A norma europeia  obriga as instalações de agua quente armazenada a ser protegida com válvula de descarga, e a garantir a descontinuidade baseada em lamina de ar, entre os esgotos e a agua sanitária.

Explicação: Obrigatoriamente  deve existir um espaço ao ar livre entre o ponto de saída da agua e o ponto que a recupera para enviar aos esgotos.

Outro ponto indispensável nas válvulas de segurança, a válvula deve ser concebida de maneira a que não permita a ser rolhada, imagine um utilizador que pense ter uma fuga e vai rolhar a válvula de segurança transformando assim a sur propria instalação numa autentica bomba.

Aqui a seguir, um exemplo de válvula não homologada para cilindros, a agua que sai pela válvula de segurança não homologada  pode vir a contaminar a agua armazenada, as bactérias podem vir a atravessar a segurança e remontar contra o sentido da agua até ao armazenamento.

Na imagem seguinte vemos a instalação de uma válvula homologada e devidamente ligada aos esgotos com corte laminar, as bactérias eventualmente contidas no tubo dos esgotos nunca poderiam remontar contra o sentido da agua para atingir o armazenamento.

Como podemos verificar também, seria simplesmente impossível rolhar este tipo de válvula, o seu proprio fabrico impede que ela seja rolhada, quaisquer seja o acessório utilizado .

Sifão de protecção e ligação das válvulas aos esgotos

sifao_grupo_seguranca

Este sifão é especialmente fabricado para se encaixar sobre as válvulas de segurança, e deve ser ligado aos esgotos para evacuar a agua que vai sair do seu termo-acumulador quando este aquecer a agua.

A sua ligação se realiza em tubos de PVC Ø 32, ou ainda com outros tipos de tubos pode ser montado com um acessório de roscar de 1 polegada.

O segredo de segurança consiste a encaminhar estas percas provocadas pela válvula de segurança, para os esgotos de maneira a evitar a subida de mais cheiros pelo tubo dos esgotos, mas também a garantir a descontinuidade entre a rede de agua sanitária et agua de esgotos.

Nunca montar um termo acumulador sem uma protecção como esta ou idêntica sob o risco de ver explodir o seu termo-acumulador.

O vaso de expansão de qualidade alimentar

vaso_expansao_sanitario
esquema_vaso_expansao_sanitario

Assim como um vaso de expansão de aquecimento central, o vaso de expansão sanitário é especialmente concebido para contacto com o agua potável, o vaso absorve a dilatação da agua devidamente ao seu aquecimento.

Utilize este dispositivo junto com a válvula de segurança se o fizer, impede de perder aqueles litros que se perdem quando a agua aquece, privilegie uma capacidade mais elevada de preferência a uma capacidade mais pequena, nunca esqueça que a agua nos cilindros cresce mais ou menos 3%.

Passadores termostáticos

torneira_termostatica

Os passadores termostáticos são geralmente instalados sobre as saídas de agua quente dos termo-acumuladores, e ai o leitor pode dizer que mais vale descer a temperatura do termo-acumulador que instalar este passador termostático, desta maneira faz duas economias.

Teoricamente seria assim mesmo mas o problema é que a temperatura do seu termo-acumulador deve estar sempre a volta dos 60C° afim de proteger a sua instalação do desenvolvimento de legionella.

montagem de valvula termostatica

Instalando este tipo de dispositivo você economiza bastante agua quente e protege os seus filhos contra os riscos de queimaduras.

Redutores de pressão

Para un funcionamento optimal, os termo-acumuladores sob pressão devem ser alimentados com uma pressão máxima de 3.5bars.

redutor_de_pressao_com_manometro

Os redutores de pressão protegem as instalações contra a supressões, e mantém a instalação a uma pressão determinada o modelo apresentado incorpora um manómetro afim de visualizar a pressão em serviço.

Aconselhamos fortemente a instalação de tal dispositivo na alimentação do seu termo-acumulador.

Como se justifica a diferença de preço entre dois redutores de pressão? Os redutores de pressão são determinados em consequência da pressão de entrada, mais alta é a pressão de entrada e mais elevado é o custo, mais baixa é a pressão de entrada e mais barato é o redutor.

Sabendo que um redutor com pressão de entrada de 20 bars tem uma duração de vida três vezes mais elevada que um redutor com 10 bars de pressão de entrada.

Precauções de instalação de um redutor de pressão.

esquema_redutor_de_pressao_com_manometro

Que o seu redutor seja montado com acessórios desmontáveis ou não, tenha o cuidado de o instalar em posição horizontal e nunca de maquinismo para baixo, como ilustrado na imagem, sugerimos fortemente a instalação de um passador de cada lado do redutor afim de o poder desmontar facilmente.

Este tipo de dispositivos necessita uma intervenção periódica, no caso de utilização com agua de poço não filtrada.

Esquema de montagem de termo-acumulador

Em caso de utilização de um redutor de pressão na entrada de agua geral, não é necessário utilizar um redutor de pressão na entrada de agua fria do termo-acumulador.

Esquema de ligacões  do termoacumulador
Crédito imagem: Vitor Sargo. Esquema fornecido com termo-acumulador de marca videira, esquema recopiado do fabricante francês Watts industries, Esquema conforme as normas francesas como podemos ver nas marcações NF.

Videira, Redufix, SFR, RLT M2, são marcas ou produtos pertencentes aos seus fabricantes respectivos.

Esquema de montagem de tubulação para termo-acumulador com material devidamente instalado, podemos verificar a presença do símbolo NF que representa “norma francesa” sabendo que os franceses são campeões em segurança de instalações.

109 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado.