Dezenas de paineis solares rebentados

Olá caros leitores, venho hoje novamente escrever mais uma pagina sobre os painéis solares que tem rebentado em Portugal devidamente por estarem mal montados. Um dos meus amigos também é vitimas dessa montagem mal efetuada.

Depois de algumas pesquisas, acabei por ver dezenas de esquemas de montagem que induzem os profissionais de sector em erro, acabando por provocar eles mesmos inconscientemente, a rutura dos painéis durante os períodos de frio.

Na maioria dos casos os instaladores, utilizam purgadores automáticos nos pontos altos das instalações, de uma forma geral a utilização de tais componentes é um erro, vamos ver porquê!

painel solar com purgador solar_termico_purgador_detalhe

Temos de ter em conta os pontos seguintes para compreender.

A agua começa a ferver a uma temperatura de 100°C, mas somente se a sua pressão for inferior a 0,6kilos, se a pressão for superior a 0,6kilos, a agua pode até atingir 200°C ou 300°C que não pode ferver.

Os painéis solares térmicos são realmente muito eficientes somente quando temos muito sol, que é o momento que menos precisamos de agua quente e então vamos automaticamente baixar a consumição, logo a que produção aumenta.

Esses dois fatores acabam por criar uma produção muito importante, em certos casos a temperatura dos painéis pode mesmo atingir 150°C , nesse mesmo momento se a pressão for inferior a 0,6kilos de pressão a agua vai-se transformar em vapor e sair pelo purgador, nesse mesmo momento e enchedor automático acaba por encher novamente o circuito.

O aditivo anti-gelo contido desde a origem da instalação, acaba por ser progressivamente transformado em vapor e sair pelos purgadores até ao ponto de ficar somente agua dentro da instalação.

Evidentemente que durante o inverno a agua sem aditivo vai congelar e provocar a rutura dos painéis

3 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado.