Os diferentes circuitos de aquecimento central

Existem dois tipos de circulação de aquecimento bi-tubo e mono-tubo, nesta página vamos passar a descrever cada um deles.

Os circuitos podem ser criados de duas maneiras diferentes, bi-tubos ou de tipo polvo, caixa distribuidora com linhas individuais para cada aparelho, ver mais nesta página.

Aqui encontramos o sistema tradicional de instalação de radiadores, o qual tem um funcionamento idêntico, que a instalação seja em tipo tubos paralelos ou de tipo polvo.esquema-geral

Com este tipo de montagem, os radiadores estão montados em paralelo, um tubo de ida que alimenta paralelamente todos os radiadores e um tubo de retorno que recolhe a agua de cada radiador para leva-la diretamente à caldeira, neste tipo de instalação a temperatura de entrada em todos os radiadores é praticamente a mesma visto que a perca sobre os tubos é mínima.

Esquema de retorno direto

esquema-retorno-direto

No sistema de retorno direto, o tubo de retorno parte do radiador mais afastado e vai recolhendo a água dos diferentes radiadores até devolvê-la à cadeira.

O trajeto da água é menor para o radiador mais próximo, pelo que a sua perda de carga é menor e existe a necessidade de regular o caudal de modo adequado.

 

Esquema de retorno invertido

esquema-retorno-invertido

Com o retorno invertido, o tubo de retorno parte do radiador mais próximo da caldeira e segue o sentido da alimentação, chegando até à caldeira.

Este tipo de de instalação também se chama circuito de Tiechelmann.

Com este sistema temos a certeza que os trajetos de cada radiador são idênticos em comprimento, pelo que não se requer uma regulação de caudal.

 

Instalações em mono-tubo para aquecimento central

circuito monotubo

Aqui apresentamos então um tipo de instalação que quase ninguém conhece que pode ser utilizada nos aquecimentos centrais, uma só condição a respeitar,  os tubos devem ser passados sempre mais baixos que o fundo dos radiadores.

Sistema moni-tubo en série como os tubos estão sempre mais baixos que os radiadores a água sobe até ao topo do radiador, sob a força termodinâmica, eu já vi este sistema pessoalmente e fiquei impressionado como funciona à perfeição.. Os radiadores poder ser alimentados por baixo (radiadores em aço 6 conexões, como vemos na imagem), ou poder ser alimentados lateralmente como todos os outros sistemas, porém  devém serem alimentados de maneira cruzada, um tubo de cada lado do radiador.

Este sistema tem o inconveniente de necessitar cada radiador (a partir 2°) sobre-dimensionado, visto que cada radiador será alimentado com agua mais fria que o precedente.

Mono-tubos em série com alimentação lateral.

monutobo_em_serievalvula monotuboEste tipo de alimentação é mais corrente que o precedente, mas no entanto o circuito é limitado a um determinado numero de radiadores e se desejar suprimir um radiador terá que juntar os dois tubos de maneira a permitir a circulação da agua por isso se chama em série, pessoalmente não sou muito adepto deste sistema, desde que é obrigatório utilizar uma peça do comércio que se encontra ser quase sempre diferente  de uma marca para a outra.

As vantagens deste sistema é ser possível de utilizar qualquer tipo de tubos que podem ser embutidos ou não, pois o sistema é compatível, com tubos aparentes ou embutidos, contrariamente ao sistema acima descrito que só é compatível com tubulação aparentes, passando debaixo do radiador.

 

14 Comments

Add a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *